Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Comentador de Bancada

Comentador de Bancada

Pré-Visões do Euro 2016 - Espanha

Em muitas conversas de café a Espanha desceu vertiginosamente da lista de favoritos à conquista do torneio europeu. É normal apontar os espanhóis como um dos favoritos mas a aura de invencibilidade desapareceu com o 1-5 contra a Holanda no mundial.

 

Isso não deixa de ser curioso, uma vez que a Holanda poderia perfeitamente ter perdido esse jogo (esteve a um chapéu mal feito de David Silva de estar a perder 2-0 momentos antes da igualdade) e porque os holandeses desapareceram de cena, demonstrando como os ventos podem mudar de direcção. Fazer o downgrade à Espanha é não só injusto como enganador. Se perderam o jogador que melhor os definiu e que será talvez o mais importante na sua história - Xavi - também não deixa de ser verdade que continuam a ter jogadores fantásticos, misturando experiência e juventude como poucas equipas poderiam sonhar em fazer.

 

Dos previamente campeões (europeus e/ou mundiais) convém lembrar que Casillas, Ramos, Piqué, Alba, Busquets, Iniesta, Fàbregas, Silva, Cazorla, Mata, Pedro ou Albiol ainda jogam e são chamados. Dos mais novos incluem-se nomes como de Gea, Bernat, Gaya, Isco, Thiago, Koke, Costa ou Morata. Desta mistura poderiam resultar bancos que quase todas as outras selecções adorariam apresentar de início. Isto não é o mesmo que dizer que são os mais óbvios candidatos ao título. Xabi Alonso e Busquets combinavam na perfeição para dar solidez ao meio campo e na ausência daquele, Busquets tem de fazer o trabalho de dois. Está cada vez melhor (vejam os jogos do Barcelona) mas Alonso deixa um buraco grande no meio-campo. No centro da defesa faltam alternativas a Piqué e Ramos, com Iñigo Martinez e Marc Bartra a não estarem sequer perto do mesmo nível e a tardarem a concretizar a promessa que fazem há anos. Javi Martinez é uma alternativa, mas é um trinco adaptado, oferecendo qualidades diferentes. Na baliza há a questão: Casillas (o capitão, líder e lenda) ou de Gea (neste momento já o melhor guarda-redes espanhol). A questão parece menor, dada a qualidade, mas pode ter repercussões no resto da equipa e será por isso que del Bosque trata o assunto com pinças.

 

No ataque há ainda a questão de qual o esquema a utilizar. Um 4-4-2 com Costa e Morata que torna a equipa muito afunilada ou um 4-6-0 que deu resultados no Euro 2012 mas para o qual os adversários já se prepararam? Ou algo de permeio, com o risco de os pontas de lança não funcionarem bem no estilo da equipa (Morata e Costa são, cada um à sua maneira, mais directos que a maior parte dos colegas). Jogadores certos deverão ser Ramos, Piqué, Alba, Busquets, Iniesta. Thiago provavelmente também e o meio campo deverá ser completado com Koke (que combina técnica com capacidade física).

 

Muito depende no entanto do objectivo de del Bosque em cada jogo. Fàbregas oferece outras características e é mais efectivo perto dos avançados, Isco traz imprevisibilidade e a velocidade e largura de Nolito e Pedro obrigam a outro estilo de jogo. Será esta imprevisibilidade que poderá ser o problema da Espanha. Del Bosque ainda não pareceu ter acertado num esquema definido e era essa grande parte da força da Espanha em torneios anteriores: a sua capacidade de jogar com os mesmos jogadores fazendo apenas ajustes pontuais de acordo com a oposição ou o desenrolar de um jogo.

 

Neste momento há a sensação que bastará um plano falhado para a equipa se desmoronar - ou na fase de grupos ou nas eliminatórias. É uma favorita, mas não consigo deixar de a colocar talvez como terceira na minha lista. Só que ainda é cedo...

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D